Empresas condenadas a pagar indenização de R$ 720 mil vão recorrer

Cristina Fernandes dos Santos
A Cooperativa Agro Industrial do Estado do Rio de Janeiro (Coagro) e as empreiteiras Comagri e Feliz Terra Agrícola Ltda, foram condenadas a pagar R$ 720 mil para a família de Cristina Fernandes dos Santos. A trabalhadora rural morreu queimada em um canavial em setembro de 2009.A direção da Coagro informou que já entrou com um recurso contra a decisão da Justiça, a cooperativa está recorrendo porque não ser proprietária de terras, e em 2009 não tinha nenhuma coordenação de queima e corte de cana no Norte do Estado. De acordo com o presidente da Coagro, Frederico Paes, a cooperativa está recorrendo porque não tem gerencia nenhuma na queima de cana, justamente por não plantar o produto.

Nenhum comentário:

Postar um comentário