Nasce em Campos primeiro bebê com método de fertilização in vitro INVO

Maria Vitória Souza Barbosa nasceu às 11h desta terça-feira (23) e é o primeiro bebê do país resultante de Fertilização In vitro (FIV) com o novo método INVO. A sigla, em inglês, significa dispositivo de cultivo intravaginal. A técnica dispensa laboratório e, por meio dela, a própria paciente cultiva os embriões antes de transferi-los ao útero. Em setembro deste ano, mais um bebê vai nascer na cidade por meio do método.No município, o tratamento de infertilidade é todo pago pela Prefeitura, por meio da Gestão Plena de Saúde, através de convênio da Secretaria Municipal de Saúde com o Hospital Escola Álvaro Alvim (HEE). Além disso, o Centro de Infertilidade e Medicina Fetal do Norte Fluminense (CIMF), que fica no HEAA, onde são feitos os tratamentos, foi criado com apoio do Fundo de Desenvolvimento de Campos (Fundecam), que investiu cerca de R$ 900 mil no projeto. O secretário de Saúde, Paulo Hirano, afirma que, desde fevereiro de 2010, quando o serviço passou a ser oferecido pelo SUS, 900 casais já foram atendidos, sendo 298 deles já beneficiados com o tratamento, totalizando um investimento de R$ 1.639.000,00. Cerca de 35% deles obtiveram resultado satisfatório para a geração de bebês, número considerado ideal pelo Ministério da Saúde.A fertilização in vitro integra as ações do Programa de Assistência Integral à Saúde da Mulher (Paism). “Os casais interessados devem procurar uma das Unidades Básicas de Saúde (UBS), o Centro de Referência e Tratamento da Mulher, na Rua Gil de Goes ou o HEAA”, orientou o secretário de Saúde.






















Nenhum comentário:

Postar um comentário