Desmembramento do Pará...

O que move o plebiscito para o desmembramento do Pará hoje é a busca por poder político, mas decidir sobre a divisão do estado não é repartir riqueza. É dividir pobreza. Novo Pará, Tapajós e Carajás, juntos ou separados, reúnem indicadores sociais inferiores à média brasileira. Segundo maior estado em área, atrás do Amazonas, o Pará abriga 80% das reservas de bauxita, 77% das de cobre, 43% das de caulim, 36% das de manganês, 14,8% das de ouro e é o segundo maior produtor de minério de ferro do país. Mas a história de quem mora ali é de carências.É os paraenses decidem neste domingo se querem ou não dividir o estado,eles vão as urnas para o sim ou não da divisão.

Nenhum comentário:

Postar um comentário