'Operação Renascer'

Desde as primeiras horas da manhã desta quinta-feira (29/03), a Polícia Federal (PF) deflagrou a 'Operação Renascer' para desmantelar uma organização criminosa no município de São Francisco de Itabapoana (SFI) da qual o prefeito Beto Azevedo, segundo informações do delegado Paulo Cassiano, seria o líder.Foram cumpridos cinco mandados de prisão e 11 de busca e apreensão em diversos locais, dentre eles, a casa do Prefeito e a Prefeitura de SFI. Na casa do prefeito, onde a incursão foi feita pelo Delegado Titular da Polícia Federal, Paulo Cassiano Júnior, junto com uma equipe, Beto Azevedo não estava em casa, somente sua esposa, filho e funcionários. Beto foi preso em outro endereço, um apartamento no edifício Luxor, em Campos.Além de "Beto da Saúde", como também é conhecido o prefeito, foram presos o ex-secretário de Saúde do município, Fabiano Córdova, o atual, Cristiano Sales e os donos da clínica Fênix, o casal Fábio Silva e Juliana Meireles. Os mandados de prisão são temporários por cinco dias podendo ser estendidos.Os mandados de prisão são por crimes de corrupção e desvio de dinheiro do Sistema Único de Saúde (SUS), estipulado em cerca de R$ 2,5 milhões. A verba teria sido desviada entre os anos de 2009 e 2011.Equipes da Polícia Federal recolheram documentos em repartições públicas que funcionam na sede do Executivo Municipal, como a Fundação Municipal de Saúde, onde a porta precisou ser arrombada, já que no momento da incursão não havia funcionários que tivessem a chave. O gabinete do prefeito também foi arrombado. Todos os presos foram conduzidos a sede da Polícia Federal em Campos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário