ESPORTE NO BLOG - FUTEBOL

Único time com 100% de aproveitamento no Campeonato Carioca, o Vasco encara o Flamengo nesta quinta-feira, às 19h30m, no Engenhão. O clássico pela quarta rodada da Taça Guanabara tem como atrativos o duelo entre Bernardo - artilheiro da competição com quatro gols - e Hernane - herói da vitória rubro-negra no último domingo - e a motivação de um rival tentar acabar com a invencibilidade do outro na fase inicial da competição. Com os dois times ainda em formação, o duelo será marcado pela rivalidade no primeiro teste importante da  temporada.

Após o fim da entrevista, Abel seguiu na sala de imprensa do Engenhão para acompanhar a decisão por pênaltis entre Grêmio e LDU (Foto: Edgard Maciel de Sá)


O técnico Abel Braga viveu uma situação inusitada na noite da última quarta-feira. Durante a entrevista coletiva após o empate por 2 a 2 diante o Friburguense, pela Taça Guanabara, as atenções dos jornalistas e do próprio treinador na sala da imprensa do Engenhão não estavam voltadas para as declarações do comandante tricolor. E sim para a televisão que exibia a disputa por pênaltis entre Grêmio e LDU para definir o último integrante do Grupo 8 da Libertadores 2013 ao lado de Fluminense, Huachipato-CHI e Caracas-VEN.Abel após a classificação do Gremio disse o seguinte :   Acho que eu era o único que queria enfrentar o time brasileiro (risos). Mas não queria encarar a altitude. Depois do primeiro jogo eu disse que achava que daria Grêmio nos 90 minutos. Com a classificação dos brasileiros fica mais igual. Qualquer resultado na Arena e no Engenhão será normal. Em Quito teríamos uma viagem longa, altitude... Seria ruim. Muita gente pensa ao contrário, mas eu queria o Grêmio. Vanderlei é meu amigo, será um jogo mais acessível, teremos torcedores do Fluminense em Porto Alegre, a logística será melhor. Foi merecido. Não vi a partida, mas me disseram que o Grêmio sufocou durante os 90 minutos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário