Morte de empresário elucidada pela polícia...

Um ex-funcionário de Francisco Júnior Pessanha da Silva, mais conhecido como Chico do Trio, morto na tarde desta quinta feira(10/01) foi preso no final da tarde desta sexta-feira (11/01) em uma casa no Farol de São Thomé e confessou ter matado o empresário.“Ele é ex-empregado de Chico do Trio e confessou ter matado o empresário alegando que ele não pagou uma dívida trabalhista de onze mil reais. Para o assassinato, o rapaz informou que teria contado com a ajuda de um amigo”, disse o delegado. Em depoimento o suspeito disse que Chico também o ameaçou. “Ele disse que a vítima o ameaçou. Que se continuasse cobrando a dívida ele não duraria mais uma semana”, comentou.O delegado informou ainda que vai investigar o crime e pedir a prisão do jovem, que deve ser encaminhado ainda este sábado (12/01) para a Cadeia Pública de Campos.“Ele confessou a identificação do outro envolvido no crime e agora vamos expedir um mandado para prendê-lo”, informou.

Nenhum comentário:

Postar um comentário