Futebol carioca ! Os 4 grandes do Rio

Excluído até do banco de reservas para a partida contra o Bangu, agora ás 22h , em Volta Redonda, Léo Moura foi poupado, de acordo com a informação do Flamengo.O Flamengo precisa vencer o Bangu para não deixar a distância para os líderes do Grupo B da Taça Rio aumentar ainda mais. Atualmente, o Rubro-Negro tem um ponto, enquanto o líder Fluminense tem sete e o Resende, segundo colocado, tem seis.Daqui a poucoacontece o duelo entre Bangu e Flamengo, válido pela terceira rodada da Taça Rio. A bola rola no Raulino de Oliveira às 22h .

Tudo se encaminhava para que o garoto Michael fosse o único destaque da noite. Com três gols em 21 minutos, virou o jogo sobre o Macaé (3 a 1), nesta quarta-feira, em São Januário, e fez o Fluminense assumir a liderança provisória do Grupo B da Taça Rio. Mas o jogo morno, com pouquíssimo público (703 pagantes e 1793 presentes), foi apimentado pelo drama folclórico de Rhayner. O meia-atacante perdeu um pênalti na parte final do segundo tempo e ampliou sua sina de não marcar um gol há nada menos do que 81 partidas.O resultado colocou o Tricolor com sete pontos, um à frente do Resende, que enfrenta o Duque de Caxias na quinta-feira. O próximo duelo é com o Boavista, sábado, em Moça Bonita. 

Era um dia de novidade. Um sopro de esperança para os cruz-maltinos. Mas fora a estreia de Paulo Autuori como técnico e algumas mudanças no time titular, o Vasco nada teve de novo em campo. Erros de passes, de finalizações, técnica limitada e um empate por 0 a 0 com o Olaria, em Moça Bonita, na tarde desta quarta-feira, pelo Grupo A da Taça Rio (segundo turno do Campeonato Carioca).A situação na tabela de classificação piorou. O Vasco somou seu primeiro ponto, após duas derrotas nas rodadas iniciais, e está a oito de distância do líder Volta Redonda, que bateu o Madureira por 1 a 0 e manteve seus 100% de aproveitamento. O Botafogo, que soma seis, teve seu jogo contra o Friburguense adiado - passou de quinta-feira para 10 de abril. O Olaria soma cinco pontos e está em terceiro lugar.


Seedorf ainda não engoliu a expulsão nos minutos finais da vitória do Botafogo sobre o Madureira por 2 a 1, no último domingo. De acordo com sua empresária, a americana Deborah Martin, o jogador está triste e inconformado com a proporção que o cartão vermelho tomou. O holandês disse a ela que não ofendeu o árbitro Philip Georg Bennett, assim como consta na súmula. O juiz afirmou que o atleta disse que ele estava "de palhaçada".  O camisa 10 alvinegro está suspenso da partida contra o Friburguense que passou desta quinta para 10 de abril.

Nenhum comentário:

Postar um comentário