Homem se passava por pastor e cometeu vários crimes

A policia prendeu na manhã desta quinta-feira(05/04) o falso pastor Leonardo de Aquino Menezes, 26 anos, na Rua Projetada, na Praia de Santa Clara.Leonardo se identificava como pastor e é o principal suspeito de ter cometido um latrocínio na praia de Santa Clara no dia 21 de março deste ano, e ainda é o principal acusado de um duplo homicídio no Parque Santa José, em Guarus, em 2009. Contra ele, há um mandado de prisão temporária.Leonardo é acusado de matar Paulo Sérgio Wernek Nunes, 46 anos, e Euzébio Pereira Nunes Junior, 30 anos, e ainda balear Ana Paula de Lima Silva, 35 anos, no Parque São José, em Guarus.Ele também teria matado a facadas a dona de casa Ladi da Silva Couto Reis, no dia 21 de março deste ano, na praia de Santa Clara. Na ocasião, a Polícia pensou que a dona de casa havia morrido vítima de um enfarto. Mas, o perito criminal constatou que Ladi havia levado várias facadas. Leonardo, que em Campos morava no bairro da Penha, teria matado a dona de casa para roubar dinheiro. Ele foi ouvido na 147ª DP e levado em seguida para a Cadeia Pública, na Codin, em Campos.Ele chegou a comandar cultos em praça pública e tinha inúmeros seguidores.

Nenhum comentário:

Postar um comentário